Be8 promove 1ª turma exclusiva de Jovens Aprendizes

Os jovens irão realizar a Formação Técnica de Aprendizagem Industrial em Técnico de Eletromecânica

Com o propósito de estimular a inserção dos jovens no mercado de trabalho, a Be8 promoveu no mês de maio, a 1ª Turma Exclusiva de Jovens Aprendizes Be8. Fazem parte desta turma, 25 jovens que, nos próximos dois anos, irão realizar a Formação Técnica de Aprendizagem Industrial em Técnico de Eletromecânica. O objetivo é estimular o primeiro emprego e profissionalização de jovens de 14 a 24 anos.
A atividade aconteceu no auditório da unidade industrial da Be8, com a participação do SENAI e familiares dos jovens aprendizes. Na ocasião, foi alinhado as expectativas das famílias e dos aprendizes de acordo com o que a Be8 e o SENAI têm a oferecer durante o curso de dois anos de aprendizado.
Durante o curso, os aprendizes irão desenvolver habilidades técnicas e comportamentais por meio de experiências e treinamentos comportamentais de governança corporativa, inovação com foco em sustentabilidade, meio ambiente, diversidade e inclusão, ampliando as competências para desafios atuais e futuros profissionais.
A gerente executiva de pessoas e cultura da Be8, Emanuele Milani Groth destaca que o programa tem como objetivo “a inclusão social de jovens no mercado de trabalho, visando o desenvolvimento de competências técnicas e comportamentais para o mercado do trabalho”, pontuou.
A menor aprendiz, Vitória Jacques da Silva, de 17 anos, integra a turma dos 25 alunos e diz estar gostando muito da experiência. “No começo fiquei com medo de não me adaptar, mas está sendo tudo muito tranquilo. A turma é divertida e a gente se ajuda, o que facilita bastante. Estou muito ansiosa para ter as aulas e continuar aprendendo, pretendo me dedicar para me profissionalizar cada vez mais na área e usar a minha comunicação ao meu favor”, salientou.
Já os pais de Vitória, Marli Jacques da Silva e Osmar da Silva, relatam que estão felizes com o comprometimento da Be8 e da escola. “A Vitória está gostando e aprendendo muito, então ficamos felizes e apoiamos ela no que for preciso”, concluem.
A captação dos jovens ocorreu por meio de divulgação interna na Be8 oportunizando vagas para os familiares dos colaboradores, além da divulgação do programa nas escolas estaduais, particulares e organizações não governamentais.
O momento de integração e acolhimento dos 25 jovens ocorreu na Be8 e contou com a participação dos familiares, equipe de Pessoas & Cultura da Be8, o Coordenador Técnico de Educação Profissional do Senai, Rangel Knerek e assistente técnica, Carlucia Saraiva de Brito.
O contrato de aprendizagem representa uma grande conquista para o mundo do trabalho e para a sociedade, haja vista estar voltado à inserção do jovem no mercado, promovendo-lhe qualificação profissional, além de contribuir em sua formação social e moral.